Quarta, 23 de Setembro de 2020 07:32
83 99389-4851
Dólar comercial R$ 5,47 1.263%
Euro R$ 6,42 +0.765%
Peso Argentino R$ 0,07 +1.116%
Bitcoin R$ 60.752,97 -0.477%
Bovespa 97.293,54 pontos +0.31%
Economia Gás

Preço do gás já chega a R$ 80 em João Pessoa; confira pesquisa

Na pesquisa anterior, realizada no dia 10 de agosto, dos 29 estabelecimentos 75,86% praticavam o valor de R$ 70.

10/09/2020 11h41
77
Por: Jeferson Elias Fonte: ClickPB
A pesquisa também demonstra que cinco estabelecimentos não comercializam usando a forma de pagamento a prazo. (Foto: Reprodução)
A pesquisa também demonstra que cinco estabelecimentos não comercializam usando a forma de pagamento a prazo. (Foto: Reprodução)

Pesquisa comparativa da Secretaria Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-JP) divulgada nesta quinta-feira (10) registrou que a diferença no preço do gás de cozinha para pagamento à vista é de R$ 10, com o botijão variando de R$ 70 a R$ 80. O levantamento foi realizado na terça-feira (8), através do Setor de Pesquisa e Estatística em 29 estabelecimentos que informaram os preços praticados com pagamentos: à vista (com entrega e sem entrega), a prazo, o botijão completo.

O preço do gás de cozinha no pagamento à vista e com entrega oscilaram de R$ 70, menor preço, apenas 5 estabelecimentos (Ferreira Gás-Cristo /Ultra Gás-Cuiá/Valter Gás-Mangabeira/Sos Gás-Torre/ Jonas Gás-Valentina) e o maior preço no valor de R$ 80 (Panificadora Faustino-Mangabeira/Expresso Gás-Mangabeira), variação de 14,29%.

Na pesquisa diante dos vários aumentos mencionados pela Petrobrás, os dados coletados demonstram que dos 29 estabelecimentos com pagamento à vista, predominou o valor de R$ 75 pelo botijão que corresponde a 51,72% dos estabelecimentos praticam o mesmo preço. Na pesquisa anterior, realizada no dia 10 de agosto, dos 29 estabelecimentos 75,86% praticavam o valor de R$ 70.

No pagamento a prazo do botijão o menor preço encontrado foi de R$ 72 (Nunes Gás- Bancários). O maior preço a prazo do botijão foi de R$ 80 a diferença nominal é de R$ 8 com uma variação de 11,11%. 

No pagamento a prazo, os estabelecimentos não diferenciam o preço com entrega e sem entrega, exceto o Sos Gás no bairro Torre que comercializa com entrega no valor de R$ 70 e sem entrega R$ 68. A pesquisa também demonstra que cinco estabelecimentos não comercializam usando a forma de pagamento a prazo.

Aumento do Preço Médio

Conforme dados das pesquisas realizadas anteriormente pelo Procon-PB, o preço médio do Botijão de 13 kg com pagamento à vista apresentaram crescimento de preços de forma relativa como demonstra o gráfico 01. Em agosto (10/08/2020) o preço médio era R$ 69,66 (29 estabelecimentos) e o preço médio da pesquisa atual foi de R$ 74,21 com uma diferença de R$ 4,55. 

Gráfico 01: Preço médio do GLP com entrega entre as pesquisas do dia 18 de outubro de 2019 e 08 de setembro de 2020.

Botijão Novo

Referente ao pagamento à vista do Botijão Novo, apenas alguns dos estabelecimentos pesquisados comercializam este produto, e os preços oscilaram de R$ 175 a R$ 250 possibilitando uma economia de até R$ 75, com uma variação 42,86%. No pagamento a prazo  os preços diferenciam de R$ 190 a  R$ 250 uma economia de  R$ 60 com uma variação de 31,58%. 

O preço médio Botijão novo nos estabelecimentos pesquisados com pagamento à vista no período de março no começo da quarentena era de R$ 192,33 (Pesquisa Procon-PB 03/03/2020) e em agosto o preço foi de R$ 193,75, entretanto na pesquisa atual o preço aumentou para R$ 211, elevação de 8,90%. 

Gráfico 02: Preço médio do botijão novo do GLP com pagamento à vista entre as pesquisas do dia 18 de outubro de 2019 e 08 de setembro de 2020. 

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias