Terça, 27 de Outubro de 2020 23:10
83 99389-4851
Política Conflito

TSE rejeita recurso do PT Nacional e mantém candidatura de Anísio Maia à Prefeitura de João Pessoa

O conflito interno no PT continua, mas o diretório nacional do partido não conseguiu derrubar a candidatura de Anísio Maia.

16/10/2020 13h07
115
Por: Jeferson Elias Fonte: ClickPB
Anísio Maia ainda é o candidato do PT para a Prefeitura de João Pessoa (Foto: Reprodução)
Anísio Maia ainda é o candidato do PT para a Prefeitura de João Pessoa (Foto: Reprodução)

Mesmo com a intervenção no diretório municipal do partido, o PT ainda não conseguiu o o objetivo de derrubar a candidatura de Anísio Maia à prefeitura de João Pessoa para apoiar Ricardo Coutinho (PSB). O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) rejeitou dois recursos do partido e manteve Anísio Maia como candidato do PT em João Pessoa.

Um dos recursos foi rejeitado porque o ministro Tarcísio Vieira de Carvalho Neto, declinou da  competência de analisar o agravo interno do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB). No outro, o ministro negou o pedido de tutela de urgência formulado pelo Diretório Nacional do PT.

O conflito interno no PT começou quando o Diretório Nacional do Partido anunciou apoio a Ricardo Coutinho como candidato a prefeito de João Pessoa, apenas um dia depois de o Diretório Municipal homologar a candidatura própria de Anísio Maia. Um nome do PT chegou a ser apresentado como vice de Ricardo Coutinho, mas foi retirado pouco depois visto que o partido não poderia estar em duas chapas.

O Diretório Nacional do partido passou a pressionar pela retirada da candidatura de Anísio, que foi chamada pela presidente nacional do partido, Gleisi Hoffmann de ''candidatura laranja''. Para ela, o único objetivo dessa candidatura seria atrapalhar Ricardo Coutinho. Gleisi lamentou ainda que Anísio Maia ''se prestasse a esse papel''.

Anísio Maia, por outro lado, sustenta que sua candidatura é legítima e que seu nome foi escolhido de forma democrática dentro do Diretório Municipal do PT. O mesmo é dito pela presidente municipal do partido, Giucélia Figueiredo.

Com a desobediência dos líderes municipais, o PT fez uma intervenção no município e destituiu Giucélia Figueiredo do cargo. Agora, o partido tenta cancelar a candidatura de Anísio Maia, mas ainda não obteve sucesso.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias