Terça, 27 de Outubro de 2020 20:47
83 99389-4851
Polícia Policia

Padre Gilmar diz que passou três dias em cativeiro sem alimentação: "consegui sair e fui caminhando pela estrada"

O padre Gilmar foi encontrado vivo em Tambaba, no município de Conde, Litoral Sul da Paraíba, nesta sexta-feira (16). Ele estava desaparecido desde a terça-feira (13), na Capital.

17/10/2020 10h14
192
Por: Jeferson Elias Fonte: ClickPB/Lucas Isídio
"Agradecer a Deus por estar vivo, pela nova oportunidade de vida. Eu estava abandonando no meio do mato e consegui sair e me soltar e fui caminhando pela estrada e fui encontrado", declarou o padre Gilmar. (Foto: Reprodução/TV Arapuan)

O padre José Gilmar, que estava desaparecido desde a terça-feira (13) e foi encontrado nesta sexta-feira (16), relatou os momentos que viveu nesses três dias. Segundo o sacerdote contou em entrevista à TV Arapuan, na Central de Polícia em João Pessoa, foram dias sem alimentação "abandonado no meio do mato".

"Agradecer a Deus por estar vivo, pela nova oportunidade de vida. Eu estava abandonando no meio do mato e consegui sair e me soltar e fui caminhando pela estrada e fui encontrado", declarou o padre Gilmar.

Ele narrou, ainda, que, durante o tempo em que esteve isolado, passou fome. "Não teve alimentação."

O padre Gilmar foi encontrado vivo em Tambaba, no município de Conde, Litoral Sul da Paraíba, nesta sexta-feira (16). Ele estava desaparecido desde a terça-feira (13), na Capital.

A informação foi confirmada ao ClickPB pelo delegado Vitor Melo, da Polícia Civil da Paraíba. Ele tem acompanhado o caso desde o início. "Encontrado. Estamos voltando para a base", disse o delegado ao ClickPB.

O sacerdote da Igreja Católica em João Pessoa deixou um pedido de socorro por mensagem enviada a um amigo, na terça-feira, e não apareceu mais. O padre estava a caminho de um velório, no dia do desaparecimento.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias