Segunda, 20 de Setembro de 2021
83 99389-4851
Política Movimentação

“Se houve crime de responsabilidade tem que ser apurado”, diz João Azevêdo ao ser questionado sobre impeachment de Bolsonaro

Partido Cidadania pediu união entre partidos da oposição para pedido de impeachment.

10/09/2021 17h22
122
Por: Redação Sapé na Web Fonte: ClickPB/Aline Martins
João Azevêdo destaca que não há momento bom ou ruim para impeachment e que se faz necessário apurar se houve crime. (Foto: Reprodução)
João Azevêdo destaca que não há momento bom ou ruim para impeachment e que se faz necessário apurar se houve crime. (Foto: Reprodução)

O governador da Paraíba, João Azevêdo (Cidadania) acredita que não há momento bom ou ruim para pedir impechment do presidente Bolsonaro (sem partido). De acordo com o chefe do Executivo, se houve crime de responsabilidade deve ser apurado, como disse, em entrevista, nesta sexta-feira (10), durante solenidade, em João Pessoa. O presidente nacional do Cidadania, Roberto Freire, pediu uma união dos partidos para um pedido de impeachment de Bolsonaro. 

“Não existe essa coisa de momento bom, momento ruim para impeachment. Impeachment é impeachment. Se houve crime de responsabilidade tem que ser apurado. E se houver, evidentemente indicação para tal, que ocorra”, frisou, como obteve o ClickPB.

Além disso, destacou que para isso é necessário ter maturidade. “Eu acho que a discussão nesse momento é que precisa ter muita maturidade porque quem perde sempre em momentos de crise como esse é a população”, comentou, destacando que a sociedade sofre com o atual cenário de desemprego, crise econômica e volta do País para o Mapa da Fome. isso seria fruto de decisões políticas que foram tomadas em uma direção errada, como disse o governador.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias