Segunda, 20 de Setembro de 2021
83 99389-4851
Paraíba Propositura

Lei Kelton Marques: projeto visa responsabilizar civilmente motorista que causar acidente sob efeito de álcool ou drogas

A proposta apresentada na Câmara do Deputados prevê que o responsável também seja obrigado a arcar com os danos morais e materiais provocados à vítima ou à família dela

14/09/2021 10h14
127
Por: Redação Sapé na Web Fonte: ClickPB/Rafael Andrade
Moto de Kelton Marques ficou totalmente destruída após a colisão no sábado (11). (Foto: Reprodução)
Moto de Kelton Marques ficou totalmente destruída após a colisão no sábado (11). (Foto: Reprodução)

Foi apresentado nesta segunda-feira (13) na Câmara dos Deputados o Projeto de Lei 3.125/2021 que visa responsabilizar civilmente o agente que provocar acidente com dolo ou culpa e que esteja sob a influência de álcool ou qualquer outra substância psicoativa que altera a capacidade de discernimento. 

A propositura, do deputado federal Aguinaldo Ribeiro (PP), é uma reação à morte do motoboy Kelton Marques na madrugada do último sábado (11) quando o veículo em que estava foi atingido por um carro, conduzido por Ruan Macário, a 163km/h no Retão de Manaíra, em João Pessoa.

O PL também prevê que o responsável  seja obrigado a arcar com os danos morais e materiais provocados à vítima ou à família dela. De acordo com a justificativa do parlamentar, a proposta tem o objetivo de evitar mais tragédias similares ao ocorrido com Kelton.

"Além do sofrimento provocado, ainda remanescem os gastos com hospitais, tratamentos e fisioterapias, quando não resulta também na impossibilidade da vítima para o trabalho e para o próprio sustento familiar. Embora o Estado brasileiro assegure o pagamento de indenização pelo seguro DPVAT, muitas vezes ainda é insuficiente para o custeio integral do tratamento", diz o deputado no projeto.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias