Segunda, 20 de Setembro de 2021
83 99389-4851
Brasil Veja vídeo

Temer ri de imitação de Bolsonaro ironizando carta com recuo de ataques ao STF

Temer gargalha com a sátira sobre a nota de recuo articulada por ele para ajudar Bolsonaro a acalmar a crise entre os poderes, após os ataques ao Supremo Tribunal Federal feitos pelo chefe do Executivo no dia da Independência.

14/09/2021 11h26
129
Por: Redação Sapé na Web Fonte: Extra Globo
Temer ri de imitação de Bolsonaro ironizando carta com recuo de ataques ao STF

O ex-presidente Michel Temer (MDB) foi flagrado rindo de uma imitação do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) feita pelo humorista André Marinho, filho do empresário Paulo Marinho que é suplente do senador Flávio Bolsonaro (Patriota). Em uma mesa com empresários e políticos como Gilberto Kassab (PSD), Temer gargalha com a sátira sobre a nota de recuo articulada por ele para ajudar Bolsonaro a acalmar a crise entre os poderes, após os ataques ao Supremo Tribunal Federal feitos pelo chefe do Executivo no dia da Independência.

“No tocante ao presidente (Temer), eu tenho que agradecer você demais, porque tu salvou o careca (Alexandre de Moraes) de levar minha hemorróida”, brinca Marinho imitando Bolsonaro em vídeo publicado nas redes sociais pelo jornalista Ricardo Noblat.

Enquanto Temer aparece aos risos, o humorista prossegue zombando da nota:

“E essa cartinha que eu recebi tua, achei ela meio infantil, meio maricas. Tô achando que foi o Michelzinho que mandou pra mim. Cadê a parte que combinei contigo de queimar o STF, cadê a parte que combinei que botasse peruca no Fux, cadê a parte que combinei de botar o pau de arara na Praça dos Três Poderes e dar de chibata no lombo de Alexandre de Moraes?”.

André Marinho brinca ainda dizendo que o ex-presidente passou a ser convidado de honra de seu governo.

“E quando tu quiser, tu pode me ligar aí, que eu te recebo com os meus cupinchas aí, que vão estar prontos para botar o tapete vermelho para você aí, tá OK?”

 

 

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias