Quinta, 28 de Outubro de 2021
83 99389-4851
Paraíba Política

Mais de 2 mil motoristas de aplicativo em João Pessoa desistiram do serviço com aumento da gasolina, estima representante da categoria

Ainda segundo ele, mais de 2.500 motoristas devolveram os veículos tanto alugados como financiados. "Se antes tinham 4 mil rodando, agora só tem 2 mil rodando diariamente. Quem financiou ou alugou também devolveu por não conseguir pagar", explicou.

06/10/2021 19h13
124
Por: Redação Sapé na Web Fonte: ClickPB/Emmanuela Leite
"Só em João Pessoa houve uma redução de mais de 50% de motoristas Uber com o aumento do combustível e o preço das tarifas que estão defasadas", disse. (Foto: reprodução)

O aumento no preço da gasolina derrubou a renda dos motoristas de aplicativos nos últimos anos em João Pessoa. De acordo com Ícaro Araújo, representante da categoria em João Pessoa, houve uma redução de 50% de trabalhadores. Em entrevista ao Arapuan Verdade, nesta quarta-feira (6), ele explicou que o lucro caiu pela metade.

"Só em João Pessoa houve uma redução de mais de 50% de motoristas Uber com o aumento do combustível e o preço das tarifas que estão defasadas", disse.

Ainda segundo ele, mais de 2.500 motoristas devolveram os veículos tanto alugados como financiados. "Se antes tinham 4 mil rodando, agora só tem 2 mil rodando diariamente. Quem financiou ou alugou também devolveu por não conseguir pagar", explicou.

Como acompanhou o ClickPB, Ícaro destacou que a situação deixa os passageiros esperando mais tempo com a falta de motoristas. "Para você ter uma ideia, um aluguel de um carro é mais de R$ 1.800, antes era em torno de R$ 1.400. Isso ficou insustentável. Além das tarifas que estão defasadas, os aumentos de gasolina e dos gastos com manutenção fizeram isso acontecer", destacou

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias