Sexta, 27 de Maio de 2022
83 99389-4851
Política Politica

Desespero: Para segurar sangria de aliados, prefeito Sidnei tenta rotular politico da capital como "deputado de Sapé"

.

18/03/2022 08h57 Atualizada há 2 meses
Por: Redação Sapé na Web
Sidnei Paiva e Felipe Leitão
Sidnei Paiva e Felipe Leitão

O prefeito da cidade, Sidnei Paiva, visivelmente desgastado, grava vídeo de apoio ao seu candidato a deputado estadual Felipe Leitão, afirmando que o mesmo é o "deputado de Sapé". Em um ato desesperado de conter a sangria de baixas políticas do governo que vem enfrentando nos últimos meses.

Um dia após a exoneração de dois secretários do município de Sapé, por terem ideologia política diversa da sua, Priscilla Moura que anunciou apoio à pré-candidatura a deputado estadual de Alexandre Kennedy, natural de Sapé, bem como o próprio Alexandre Kennedy, por ter anunciado sua intenção em disputar a campanha para ocupar uma cadeira na Assembléia Legislativa da Paraíba.

Percebe-se que a candidatura de filhos da terra sapeense incomoda bastante o citado prefeito, já que tenta emplacar esse discurso de que seria um deputado de sapé e não apenas um apoiado seu.

Esta reportagem questiona a legitimidade de Sidnei para apontar um candidato como sendo o representante da cidade, visto que o mesmo nem residência própria têm na cidade do abacaxi, mora de aluguel e não passa de inquilino da cidade que o elegeu.

A crise deve estar muito grande mesmo, pois um prefeito que ganha 20 mil reais de vencimentos, bem como aposentadoria de militar condecorado, não consegue sequer compra uma casa pelo programa "minha casa verde e amarela", ou o mesmo realmente pode querer ir embora de Sapé após seu mandato. A dúvida paira.

Por fim, cabe ao sapeense avaliar se vale mesmo à pena votar em um deputado estadual meramente apontado como "deputado de Sapé" pelo prefeito inquilino, ou realmente exercer a cidadania apostando em um filho seu, que nunca abandonará a cidade.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias